quinta-feira, 27 de maio de 2010

nã...

Insônia.

Descobrir a Hypnotic Brass Ensemble foi o que aconteceu de mais legal hoje. Além de ter almoçado pão de queijo, chá e pão de mel.

Certo. Almoçar pão de queijo, chá e pão de mel não foi legal. O que deixa o dia 26 de maio de 2010 bastante chato. É isso aí. 26/05/2010 foi um dia chato. Não vai haver outro. Não tem segunda chance. Quase tão chato quanto esse post vai ser.

Fui na USP hoje, trabalhar no laboratório, pra variar. Meu quarto estava fazendo com que eu me sentisse um fungo.

Sempre esbarro com um ou outro. Dou um sorriso amarelo, falo alguma gracinha e desejo, inutilmente, me teletransportar para Kathmandu, com uma mochila nas costas, a barba por fazer e uma camisa xadrez toda amassada.

Esse sou eu. O eu fora da Matrix é um sujeito com a mochila nas costas, barba por fazer e uma camisa xadrez amassada.

Não consigo pensar em mais nada pra falar nesse momento.

~~

Lost acabou. O que não faz a menor diferença. Nunca assisti um único episódio. Mas pelo menos as pessoas vão falar, possivelmente, de algum assunto que me interessa agora.

Nã... provavelmente não.

~~

Pra salvar:

2 comentários:

Carolina disse...

Quando você envelhecer, vai ser tão legal quanto o "Holandês Voador". Ele tem a barba ruiva e um humor parecido com o seu.

E ah, eu queria que aqui na Amerikay eles também tivessem pão de queijo e pão de mel.

Fernanda Corbeira disse...

Não, elas não vão falar sobre coisas que nos interessam.

Muito a propósito, leia meu último post (o retorno do abismo). Tenho certeza que me entenderá perfeitamente...