sábado, 23 de fevereiro de 2008

A anã e o robô

Em Santos novamente.

Cheguei ontem e fui comer com um casal de amigos em uma espécie de mercado/padaria/lugar aonde gente com os cabelos bem cortados e cheirosos vão comer brioches.
Sentamos na mesinha (na verdade sentamos nas cadeiras que estavam próximas à mesinha) e uma mãe (?) e suas duas filhinhas (?) sentaram na mesinha ao lado.
Uma das meninas parecia ter uns 8 anos e a outra uns cinco, a mãe era jovem, bonita e tinha dois brincos com brilhantes pendurados em orelhas acopladas em um rosto muito triste.

Enquanto uma garçonete nos atendia, outra prontamente foi anotar os pedidos da família. Surpreendentemente a mãe triste com brincos de brilhantes não abriu a boca. Quem abriu foi a menininha de 5 anos.

-Por gentileza, eu gostaria de um sanduíche em pão integral de forma com peito de peru light e salada. Você tem azeite?

-Sim. - Respondeu a garçonete sem demonstrar a menor surpresa, Como se aquela cena acontecesse todos os dias.

-É extra virgem?

-Sim.

-Ótimo! As laranjas estão boas hoje?

-Sim.

-Então eu gostaria de um suco, por favor. – E entregou o cardápio para a garçonete.

-Ah! E um suco de laranja e uma coxinha para a minha irmã.

-Sim. – Repetiu a garçonete sem nem se dirigir para a jovem mãe de cara triste e brinco de brilhantes.

Juro que imaginei aquela menina acordando de manhã no apartamento luxuoso de sua família (Santos agora tem um monte de prédios luxuosos com novos ricos dentro) e se dirigindo para a cozinha.

-Severina! Meu café, por favor! Preto! Aproveite e traga meu jornal!

-Sim, madame.

-Preciso sair para ir ao cabeleireiro e fazer as unhas. Minha mãe não deve acordar pelas próximas horas pois está entupida de Rivotrill...
-Sim, madame.

O tédio está me deixando sinistro e mau.

~~~~

Viajar! Isso! Essa semana vou arrumar minha mochila e vou para Paraty. Chegando lá eu vejo o que faço.
Como os meus planos para o tempo que antecede as disciplinas do mestrado mudaram radicalmente eu vou sair por aí caminhando contra o vento (Mas eu vou levar lenço e documento... além de umas cuecas e outras coisas).

Os ares de outro lugar vão despoluir minha mente.

2 comentários:

disse...

Boa viagem!

Bárbara disse...

Lu!
Me cadastra nesse treco, porque só consigo entrar se for pelo orkut...
beijos