quarta-feira, 9 de julho de 2008

Os dinoZauros fazem xixi

Bom dia. Meu nome é Luizinho e eu não uso mp3 desde sábado.

~~

Tenho olhado para meus livros. Não se como vou levá-los agora que vou morar definitivamente em São Paulo.

~~

Ontem cortei o cabelo. Ou melhor, a Sônia cortou.
A Sônia é a cabeleireira que cuida dos cabelos da minha família há anos. Porém, só ontem descobri a magia das fofocas daquele ambiente.

Vejamos, não sei bem por onde começar.

-Aaaaai... já experimentei creme de bláblá*, creme de bléblé*, creme de blibli* e a minha pele nunca se dá muito bem com esses produtos – confessou uma velha médica que estava gemendo toda vez que a manicure cutucava o seu pé.

-E é, éééé? - Perguntou a Sônia, que estava cortando o meu cabelo.

-É. Da próxima vez vou pedir um creme de xixi de dinozauro – Sim, a palavra foi dinoZauro. Suponho que ela se referia a dinossauro.

-Aaaaai! Xixi de dinozauro! Que seboseira! – Se indignou a manicure.

-Essa é boa! Xixi de dinozauro! Credo! – Disse a Sônia olhando para minha cara.

-É... hehehe, eca! Dinozauro... – Disse eu tentando ser solidário.

-Com licença, as senhoras teriam um cafezinho? - O motorista da médica do xixi de dinozauro apareceu.

-Ah! Claro, meu senhor! – A outra manicure se manifestou.

-E não terias umas bolachinhas também?

-Aaaaaah hahahaha! – Riu a manicure. Não sei bem porque – Conseguiu estacionar o carro no estacionamento que eu falei? Esse daqui é muito caro!

-Consegui sim! Não é um estacionamento de primeira, né? Mas é um dos melhores dos de segunda!

Bom, não quero aborrecer quem estiver lendo isso aqui. Mas a conversa não parava até que eu fui embora.

As pessoas são tão interessantes. Dá vontade de nunca intervir e só ficar olhando pra elas.

Como eu faço com os meus macacos.

~~

* Palavras que eu sinceramente não consigo me lembrar.

2 comentários:

you know my name disse...

também não sei o que fazer com meus livros agora... por ora, desisti deles, até porque já arrumei uns brinquedinhos mais divertidos para me ocupar
depois a DHL resolve pra mim (ou não)

afe, manda essa tia por o tal xixi de dinossauro no mercado que eu também tô precisando... nada resolve mais

não sei quando volto aqui, então, inté!

Sam disse...

"As pessoas são tão interessantes. Dá vontade de nunca intervir e só ficar olhando pra elas".

Se isso foi irônico não sei. Fato é que eu adoro fazer isso. Quando era pequena as pessoas achavam que eu era muda, porque eu sempre ficava fazendo isso: observando. rsrs.